quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Edital do concurso FESF já foi publicado e está on line

O edital do concurso público da Fesf-SUS foi publicado hoje e estará à disposição do publico, a partir desta sexta, no site da Fundação (www.fesfsus.net.br) e da empresa que realizará a seleção (www.aocp.com.br). O edital traz informações sobre salários, profissões, vagas, data e locais das provas.

O concurso será realizado, nos dias 20 e 21 de março, para atender 132 municípios que avançaram na Contratualização da Fesf-SUS. A remuneração varia de R$ 1.334,25 a R$ 10.654,24.

As inscrições estão abertas até 07 março. As provas do concurso acontecerão nacionalmente para médicos, sanitaristas e algumas profissionais de nível superior da Sede Administrativa da Fesf-SUS e estadual para os demais profissionais (tabela no verso). As inscrições custam R$ 40,00 para o nível médio e R$ 70,00 para nível superior.

VAGAS | Serão contratados imediatamente 1.200 profissionais de níveis médio e superior para atuação na Sede da Fesf-SUS e na Estratégia Saúde da Família, em municípios localizados em todas as regiões da Bahia.

O concurso selecionará também 1.000 trabalhadores para cadastro reserva com convocação até 2011, a fim de atender cerca de 70 novos municípios que deverão concluir a contratualização ainda este ano.

SELEÇÃO | A seleção ocorrerá através de provas e títulos e seguirá opções por microrregião e preferências de atuação em municípios:

Escolha da Microrregião e do Município | O candidato na inscrição escolherá a microrregião que deseja atuar indicando sua 1°, 2° e 3° preferência de lotação dentre os municípios daquela micro.

A Classificação | De acordo com a classificação dos candidatos por microrregião serão consideradas suas preferências de lotação. Esgotadas as vagas no município de sua 1° preferência, passa-se às demais.

Prova e títulos | Com peso de 70% na nota final, terá: língua portuguesa, conhecimentos gerais, saúde coletiva e conhecimentos e competências específicas para o emprego em questão. Valendo 30% serão considerados títulos que consideram experiência e formação, como residência e especialidades.

Profissionais terão plano de carreira

A Fesf-SUS oferecerá aos concursados plano de carreira com mobilidade que abrange toda a Bahia, modernização tecnológica, educação permanente e pós-graduações.

O objetivo da Fundação é desenvolver relação de trabalho com segurança, estabilidade e progressão - para, entre outras razões, superar a grande rotatividade de profissionais nas equipes de saúde dos municípios e recuperar o prazer de ser trabalhador da saúde.

CLT - Os profissionais serão contratados pelo regime da Consolidação das Leis Trabalhistas - CLT, tal como a carreira de instituições públicas tipo o Banco do Brasil, Correios e Petrobrás.

"Os profissionais terão oportunidade de crescimento e de planejamento da sua carreira profissional", afirma a Diretora de Gestão da Educação e do Trabalho, Alessandra Reis. Ela ressalta que este item é um diferencial e caracteriza a razão de ser da Fundação, porque poderão progredir de dois modos:

PROGRESSÃO - Progressão por mérito ocorre a cada dois anos mediante avaliação de desenvolvimento e garante aumento real do salário acima da inflação, podendo chegar a 64% do salário base;

Progressão por titulação acontece conforme o profissional faça ações de educação permanente e se especialize, podendo agregar mais 30% ao salário base. Uma especialização em Saúde da Família por si só garante 8%.

Segundo Alessandra Reis, após completar dois anos no município, o trabalhador poderá solicitar sua mudança para outro local que participa da Fesf-SUS e que tenha vaga disponível.

"O candidato vai participar de uma seleção pública e transparente na qual são considerados os critérios de desempenho, tempo de fixação num mesmo município e progressão na carreira", ressalta a diretora da FESF-SUS.

Fonte: www.saude.ba.gov.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário