quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Papai Noel distribui presentes no HGVC

Natal é época de confraternização, harmonia e muita alegria. Assim foi a Festa de Natal, organizada pela equipe da assistência social e contribuição de todos os demais funcionários do Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC. O evento teve como objetivo fazer um momento de recreação para as crianças internas da unidade, além dos adultos. A festa aconteceu nessa quinta-feira, 23, na pediatria do HGVC e contou com a presença da classe médica, parceiros e colaboradores do hospital, tornando-se mais um acontecimento inesquecível para os funcionários e pacientes.

As crianças internadas no HGVC receberam hoje a visita do Papai Noel. Ele veio todo animado e trouxe muitos presentes e esperança para aqueles que acreditam no Natal. Na oportunidade foram distribuídos lanches, entrega de presentes, pintura no rosto, brindes de biscuit e a participação de animadores que fizeram deste dia um dos mais felizes para muitos que estão seguindo tratamento.

Papai Noel distribuiu presentes conversando com todos e desejando muita saúde e paz. Maria Ilma, tia e acompanhante de R.L.S, de três anos, que se recupera na unidade hospitalar, falou da felicidade da sobrinha com a chegada do Papai Noel. “Minha sobrinha ficou tão feliz que pulava de emoção. Parecia que ela não estava acreditando no que via. Fiquei muito feliz por ela, quando abriu o presente ela adorou e não soltou mais”, declarou a tia.



Já para a dona de casa e acompanhante da mãe que está internada, Alane Marques, a confraternização natalina é um papel muito importante para a recuperação dos pacientes, pois muitos pensam que o hospital é apenas um lugar de doentes, sem saber que é um ambiente onde estamos buscando mais força. “ Temos que agradecer por esses momentos, pois eles são únicos, a festa foi muito especial para mim e minha mãe, tenho certeza na contribuição que esse momento trará para o tratamento de minha mãe e de todos os presentes”, afirmou bastante contente a dona de casa.


Como no Natal comemora-se o nascimento de Jesus Cristo, a esperança e a fé são renovadas e tornam-se mais fortes em nossos corações, motivo este de comemoração para os pacientes, funcionários e voluntários do HGVC que tem como objetivo essencial e principal tratar os enfermos com amor, otimismo, perseverança e qualidade no atendimento, sendo todos uma família unida.


Para a coordenadora do serviço social, Nori Chequer, esse foi um momento de confraternização entre todos os funcionários e pacientes. “Estamos sempre preocupados em trazer a família dos pacientes para dentro do hospital, pois sabemos que as visitas assim como os eventos minimizam a dor do paciente. As confraternizações servem para unir e trazer alegria à todos os nossos enfermos. No natal não podia ser diferente. Lembrar o nascimento de Cristo é renovar nossas forças para continuar nessa caminhada”, finalizou a coordenadora.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

HGVC pronto para atendimento nas férias

O ano de 2010 já está terminando e, com a aproximação das festas de fim de ano, vem a preocupação com os acidentes automobilísticos. Nesta época, o número de acidentes aumenta consideravelmente, entre os maiores motivos: consumo de bebidas alcoólicas e imprudência.

Desde 2009 o Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC não altera a rotina do pronto socorro, em relação as festas de fim de ano. O número de acidentes e pessoas que dão entrada no hospital é praticamente o mesmo em todo final de ano.

Até o momento o nível de ocorrência continua o mesmo, porém o atendimento clínico diminuiu, queda natural em função do período de férias. “O ritmo acelerado do pronto socorro é o ano todo, temos sempre que atender de forma rápida e com qualidade todas as pessoas que necessitam de nossos cuidados”, afirma o clínico geral e coordenador do pronto socorro, Evandro de Oliveira Moreira.

O abuso de bebidas é um agravante, já que faz parte das intoxicações alcoólicas e da falta de responsabilidade e segurança no trânsito. O HGVC quer que nessas festas a população se divirta, mas que permaneça alerta quanto a sua saúde.

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

Anvisa proíbe medicamentos e saneantes


A diretoria de Vigilância Sanitária e Ambiental (Divisa), da Secretaria da Saúde do Estado, informa à população que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou, como medida de interesse sanitário, a suspensão da distribuição, comércio e uso, em todo o território nacional, dos lotes 09G429 e 09J372 do medicamento Rubromicin (Estolato de Eritromicina 250mg/5mL, frascos com 60ml (suspensão), fabricado pela empresa Prati, Donaduzzi & Cia Ltda., com sede em Toledo, Paraná.

A Anvisa também determinou, como medida de interesse sanitário, a suspensão da fabricação, distribuição, comércio e uso, em todo o território nacional, de todos os saneantes domissanitários fabricados pela empresa ZNC Indústria e Comércio de Desinfetantes Ltda. EPP, nome fantasia Propeq Auxiliares Químicos, com sede em Icará, Santa Catarina. A empresa não possui autorização de funcionamento e seus produtos não possuem registro junto à agência.

Fonte: http://www.saude.ba.gov.br/

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Mensagem de Final de Ano do HGVC

HGVC acompanha pacientes em casa



A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) vem desenvolvendo um trabalho de excelência, beneficiando a população do Estado com um atendimento qualificado. No Hospital Geral de Vitória da Conquista /HGVC esse compromisso com a comunidade é notório. Desde 2008, o HGVC desenvolve o trabalho de Internação Domiciliar (ID), onde o paciente internado no hospital recebe alta da unidade e continua o tratamento em casa, tendo todo o acompanhamento necessário. Esse procedimento é feito de acordo com critérios pré-determinados.

A Internação Domiciliar proporciona um maior cuidado e humanização do atendimento e acompanhamento de pacientes cronicamente dependentes do hospital e acima de 60 anos de idade, que precisam do atendimento após sair da unidade hospitalar. O tratamento domiciliar é muitas vezes essencial, já que o contato do paciente com a família favorece a recuperação e diminui o risco de infecções hospitalares.

Além disso, os profissionais do HGVC se empenham na resolução de problemas físicos, materiais, estruturais e pessoais que interfiram no desenvolvimento das atividades dos pacientes, visando uma completa recuperação. Atuação é feita de forma direta junto ao paciente, família e comunidade promovendo assim a reeducação e introdução de hábitos saudáveis, através de uma atenção multidisciplinar e contínua ao paciente.

A enfermeira e coordenadora da ID, Cristiane Novaes, esclarece que o trabalho realizado pela equipe da internação domiciliar é fundamental para a sociedade. “É um tratamento de qualidade oferecido aos nossos pacientes. Vitória da Conquista é referência em relação ao tratamento domiciliar, pois estamos tendo grandes resultados no atendimento para com a população”, ressalta a coordenadora.

Ao longo desses dois anos, a equipe da ID já atendeu mais de 250 famílias. A previsão para o próximo ano é que o trabalho seja feito mais rápido, mantendo a qualidade, e assim possibilitando contemplar um número maior de famílias que precisam dos cuidados médicos.

Marcação de exames e procedimentos na rede do Sistema Único de Saúde/Sus, redução dos índices de infecção hospitalar são fatores que contribuíram para que a ID conseguisse alcançar sua meta. Material estéril suficiente para realização de procedimentos e aquisição de uma ambulância para uso exclusivo dos pacientes do ID serão as futuras metas da equipe da internação hospitalar, a fim de continuar o excelente trabalho da equipe.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Urgente: Hemoba convoca população para doação de sangue

A equipe de Hematologia e Hemoterapia da Bahia/Hemoba possui uma unidade em funcionamento no Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC. No local, doadores voluntários podem realizar a doação de sangue, uma ação fundamental para salvar a vida de muitas pessoas.

O sangue coletado é armazenado e posteriormente fornecido aos pacientes por meio de transfusões. A Hemoba atende em média cinco unidades de saúde, ou seja, é necessário que o estoque das bolsas de sangue estejam sempre completas.

A unidade da Hemoba do HGVC está precisando de doadores do grupo negativo, com urgência: A negativo, B negativo, AB negativo e O negativo. “ Estamos sempre precisando de todos os tipos sanguíneos, mas temos como maior necessidade os sangues do tipo negativo”, afirma
a enfermeira responsável pelo Banco de Sangue, Anne de Fátima.

Diante das festas de natal e final de ano, a Hemoba irá alterar seu calendário de acordo com os feriados. Na semana do natal estará funcionando nos dias 20,21 e 22 de dezembro. Já no final do ano serão os dias 27,28 e 29. O horário continua sendo o mesmo, das 7h30 às 11h00 da manhã. A doação de sangue salva muitas vidas, não deixe de doar.

Critérios de doação - peso mínimo de 50 quilos, idade entre 18 a 65 anos e com boas condições de saúde. Além disso o doador tem que estar bem alimentado e não se esquecer de trazer um documento original com foto.

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Edwaldo Alves recebe atendimento no HGVC






Deu entrada na manhã desta segunda-feira (13), no Pronto Socorro do Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC), para atendimento de emergência, o Secretário de Desenvolvimento do município Edwaldo Alves, acometido por uma Hemorragia Disgestiva Alta (HDA), resultantes de duas úlceras e uma gastrite.

Alves, que veio conduzido por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência/SAMU 192, está passando por todos os procedimentos necessários e tem indicativo de internação na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para tratamentos médicos ainda mais detalhados, já que seu estado de saúde depende de maior observação.

O HGVC estará acompanhando o atendimento ao secretário e estará fornecendo as informações possiveis no decorrer da estadia do mesmo na unidade.

Divisa divulga determinações da Anvisa


A diretoria de Vigilância Sanitária e Ambiental (Divisa), da Secretaria da Saúde do Estado, informa à população que, como medida de interesse sanitário, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou a suspensão da fabricação, distribuição, comércio e uso, em todo o território nacional, de todos os produtos sob vigilância sanitária fabricados e/ou distribuídos pela empresa Fysioterm Equipamentos Eletrônicos Ltda., com sede em Cambe, Paraná, em função de a empresa não possuir autorização de funcionamento e seus produtos não possuírem registro junto à Anvisa.

A Anvisa também determinou, como medida de interesse sanitário, a suspensão da distribuição, comércio e uso, em todo o território nacional, do lote ABR10 do medicamento Bisolvon Xarope Pediátrico, fabricado pela Boehringer Ingelheim do Brasil Química e Farmacêutica Ltda., com sede em São Paulo, e a interdição cautelar do lote 09277 do medicamento Resodic 50mg (Diclofenaco sódico), comprimido, fabricado pela empresa Laboratório Farmacêutico Vitamed Ltda, com sede em Caxias do Sul, Rio de Janeiro. No caso da interdição cautelar, a medida tem prazo de 90 dias, contados a partir de 10/12/2010.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

HGVC Parabeniza Fonoaudiólogos pelo seu Dia


O fonoaudiólogo é um profissional de extrema importância para qualquer unidade de saúde. Por isso, o Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) parabeniza a todos os profissionais de fonoaudiologia nessa quinta-feira, 09, onde comemora-se o Dia Nacional do Fonoaudiólogo. Nessa data foi regulamentada a profissão no Brasil, no ano de 1981.

O campo de atuação é bastante amplo, consultórios, clínicas, hospitais, postos de saúde, escolas e instituições especializadas são apenas alguns locais que necessitam do trabalho do profissional. O fonoaudiólogo trata as disfunções da fala e escrita, além de melhorar as funções dos músculos da cabeça e pescoço, e a mastigação dos portadores de aparelhos dentário, desempenhando um importante papel na integração social de pessoas com tais deficiências.


Dentre as mais diversas especialidades, os traumas com maior frequência são: distúrbios da fala, audição, escrita, leitura e demais problemas que afetam a comunicação humana. Além da parte clínica, muitos são procurados a fim de cuidar auxiliar pessoas que precisam da voz para executar determinadas atividades como artistas, locutores,professores, políticos entre outros, buscam esse tratamento para garantir melhor qualidade na vida pessoal e profissional.


O HGVC conta com duas fonoaudiólogas, para o atendimento hospitalar. "Quando os pacientes têm algum problema na deglutição, os outros profissionais imediatamente nos solicitam. No tratamento com crianças fazemos uma intervenção na sucção, e nos adultos orientamos na linguagem e audição, melhorando a qualidade vocal", declara a fonoaudióloga Maria Fernanda Cardia Ferraz de Andrade que atua na unidade.


Aperfeiçoar a linguagem, a audição e a interação entre as elas, possibilitando ao paciente uma excelente recuperação é o trabalho especializado da área de fonoaudiologia. Parabéns para todos os profissionais fonoaudiólogos, que cuidam para que possamos comunicar com uma melhor qualidade.



segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Bahia terá Banco de Cordão Umbilical


Dentro de mais ou menos um ano e meio, a Bahia contará com o seu primeiro Banco de Cordão Umbilical. Para definir a implantação do serviço, que ficará no Hospital Universitário Professor Edgard Santos (Hupes), estiveram reunidos nesta quinta-feira (2), na Reitoria da Universidade Federal da Bahia, a equipe técnica do Instituto Nacional do Câncer (INCA), chefiada pelo médico e diretor do Centro de Medula Óssea do INCA, Luiz Bouzas, o coordenador do Sistema Estadual de Transplantes (Coset), da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), o médico Eraldo Moura, a reitora da UFBA, Dora Leal Rosa, e o diretor do Hupes, Hugo Ribeiro.

Na oportunidade, Eraldo Moura explicou que o Banco de Cordão Umbilical, quando entrar em funcionamento, estará integrado à Rede Cordes (Rede de Cordão Umbilical), e servirá para armazenar sangue de cordão umbilical, destinado ao atendimento de pacientes que necessitam de transplante de medula óssea, não só na Bahia como no Brasil e no mundo, uma vez que as características genéticas da população baiana são bastante peculiares. “A criação do Banco de Medula Óssea no Hupes conta com parceria firmada entre o Ministério da Saúde, INCA, Bndes, UFBA e Sesab”, disse o coordenador da Coset.

Credenciamento de hospital

Na sexta-feira passada (3) pela manhã, o diretor do Centro de Medula Óssea do INCA, Luiz Bouzas, acompanhado do coordenador do Coset, Eraldo Moura, esteve visitando o Hospital São Rafael, no bairro de Pau da Lima, para avaliar o credenciamento daquele hospital, pelo Ministério da Saúde, para que possa realizar transplante de medula óssea na rede particular e também pelo SUS.

Fonte:
http://www.saude.ba.gov.br

Sesab divulga contemplados com prêmio Edno Batista


Foi divulgada no Diário Oficial do Estado neste final de semana a relação dos municípios habilitados que receberão o prêmio Edno Batista Rebouças. Foram ao todo 615 Agentes de Combate às Endemias e 1961 Agentes Comunitários de Saúde de 37 cidades que receberão o prêmio no valor de um salário mínimo, R$510,00. O prêmio, que foi instituído em dezembro de 2009, tem como objetivo incentivar profissionais que atuam no controle da dengue.

Além disso, o prêmio tem a finalidade de estimular os agentes a participar de atividades integradas, ou seja, que visem o alcance das metas para o controle da dengue. Os municípios contemplados conseguiram atender aos critérios necessários para a concessão do prêmio, que foram: a efetivação, com vínculos desprecarizados, dos ACS e ACE; a manutenção do índice de infestação predial média municipal igual ou menor que 1%; e o cumprimento, pelos ACS e ACE, das metas de visitas domiciliares pactuadas.


Veja a relação dos municípios contemplados:
http://www.saude.ba.gov.br/portalsesab/images/arquivos/edno_batista.pdf


sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

HGVC mantém tratamento de crianças portadoras de doença rara






O Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) vem desenvolvendo um constante trabalho de aperfeiçoamento, promovendo cursos preparatórios nas diversas áreas de atuação, novas contratações e disponibilização de tratamentos que resultam na qualidade do atendimento à população do sudoeste da Bahia. Dando continuidade a essas ações, há mais de seis meses a Unidade oferece tratamento médico para pacientes com mucopolissacaridose (MPS).


As Mucopolissacaridoses são doenças genéticas hereditárias que reduzem ou eliminam algumas substâncias encontradas no organismo. As pessoas portadoras dessa patalogia adquirem características marcantes e os sintomas mais visíveis são a atrofia de membros, retardamento do crescimento e problemas respiratórios.

O HGVC oferece tratamentos para crianças acometidas da MPS tipo I e VI. A MPS VI, uma das mais graves, é um tipo mais raro que atinge uma pessoa em cada 250 mil. Em todo o Brasil, são 120 pessoas acometidas pela doença, e na Bahia são 12.

Atualmente, quatro crianças de 03 a 13 anos, portadoras de MPS, fazem o uso da medicação na unidade. Os pacientes são oriundos da cidade de Jacaraci e antes se deslocavam até Salvador para continuar o tratamento, até então inexistente na região.


A enfermeira Nélia Pires Freitas, que acompanha os pacientes com MPS desde a implantação do tratamento, garante que já é possível perceber melhorias na qualidade de vida das crianças, pois o uso dos medicamentos contribui para controlar e amenizar os sintomas da doença. “Nosso principal foco é a prevenção e o cuidado para que não ocorram complicações. Para isso fazemos o uso de dois medicamentos essenciais para o tratamento”, declara a enfermeira.

As crianças recebem assistência a cada oito dias, quando permanecem na unidade das 8 às 17 h.

Durante a permanência hospitalar as crianças são acompanhadas por uma equipe multidisciplinar composta por médica pediatra, cirurgião pediátrico, enfermeira, técnica de enfermagem, garantindo assistência adequada às necessidades que a doença impõe.

A dona de casa Maria da Soledade, mãe de duas crianças que recebem o tratamento, acredita que a garantia do serviço pelo HGVC facilita a vida dela e das filhas, que antes precisavam viajar para São Paulo ou Salvador. “Agora estamos bem mais perto de casa. O atendimento que minhas filhas tem aqui é ótimo, elas são tratadas com a mesma qualidade e competência das capitais”, avalia Soledade.

A avaliação e procedimentos utilizados no hospital são indicados e realizados por especialistas que tenham conhecimento da doença, para prevenir e diagnosticar precocemente as complicações, que podem ser tratadas melhorando a qualidade de vida do portador de MPS e oferecendo apoio à família.“Há uma melhoramento significativo no tratamento das MPS, estamos sempre dando continuidade para que possamos atender com qualidade nossos pacientes”, finaliza a médica pediátrica, Ana Ribeiro Prates, que acompanha os pacientes da unidade.





Funcionários do HGVC participam de mini-curso em Excel

Realizado nos, dias 29, 30 de novembro e 01 dezembro o curso básico em excel para 15 funcionários do Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC. Este curso promovido pela Faculdade Independente do Nordeste/Fainor, faz parte do planejamento estratégico do Núcleo de Educação Permanente/Nep do HGVC, no qual as unidades de ensino que realizam estágio no hospital se comprometem à serem parceiros na educação continuada em serviço.

O curso foi ministrado pelo professor Fernando Cardeal, e teve como conteúdo: estrutura de planilhas, cálculos simples, formatação de dados, principais funções(matemática, estatística básica, lógica, assistente de função) e criação de gráficos fizeram parte da rotina dos funcionários da unidade hospitalar.

Anvisa alerta para lotes de medicamentos e produtos interditados


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou como medida de interesse sanitário, a interdição cautelar, em todo o território nacional, dos lotes dos seguintes medicamentos: Lote 2857023 do medicamento Bepeben (Benzilpenicilina Benzatina), Pó para Suspensão Injetável/Frasco Ampola, fabricado pela empresa Laboratório Teuto Brasileiro S/A, de Anápolis (GO); Lote 0905296 do medicamento Angipress, de 50mg, comprimido, fabricado pela empresa Biosintética Farmacêutica Ltda., São Paulo (SP); Lote 1194 do medicamento Furozix 40mg, comprimido, fabricado pela empresa Bunker Indústria Farmacêutica Ltda., de São Paulo (SP).

A Anvisa também determinou como medida de interesse sanitário, em todo o país, a interdição cautelar do Lote 090906 do produto Shampoo Hidratante Acquahair, fabricado pela empresa Ivel Indústria de Perfumes e Cosméticos Ltda., de Nova Iguaçu (RJ). Determinou também a suspensão da fabricação, distribuição, comércio e uso, em todo o território nacional de todos os saneantes domissanitários fabricados pela empresa J. Carlos Vinco Produtos de Limpeza ME, nome fantasia Fortex Produtos de Limpeza, do Rio de Janeiro (RJ), porque a referida empresa não possui autorização de funcionamento e por seus produtos não possuírem registro junto a esta Agência.

A agência ainda determinou como medida de interesse sanitário, a suspensão da distribuição, comércio e uso, em todo o território nacional do Lote C091090, do medicamento Synarel 2mg/ml (Acetato de Nafarrelina), solução nasal, fabricado pela empresa Pfizer Pharmaceuticals LLC e importado pela empresa Zodiac Produtos Farmacêuticos S.A., de Pindamonhangaba (SP).


Fonte: http://www.saude.ba.gov.br/portalsesab

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Anvisa alerta para produtos sem registro


Por não possuir registro/notificação e Autorização de Funcionamento perante a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), o órgão determinou como medida de interesse sanitário, a suspensão da fabricação, distribuição, comércio e uso, no território nacional, de todos os lotes de todos os produtos sujeitos à Vigilância Sanitária, fabricados pela empresa Delta Indústria e Comércio de Cosméticos Ltda., de Uberaba (MG).



Fonte: http://www.saude.ba.gov.br/portalsesab

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Vitória da Conquista recebe mais importante prêmio nacional da área de saúde

O prêmio é o segundo reconhecimento das pesquisas operacionais realizadas no CAAV que, em junho, recebeu o Selo Município-Mundo de Boas Práticas de Prevenção as DST/AIDS

A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista recebeu mais um importante prêmio nacional pela qualidade dos serviços prestados na área de saúde. O município foi vencedor da mais importante premiação na área de experiências bem-sucedidas do Ministério da Saúde, concorrendo na categoria “Inovações na Gestão da Vigilância Epidemiológica, co
m ênfase na articulação intrassetoria.

A cerimônia de premiação ocorreu na última sexta-feira (26) durante encerramento da 10ª Edição da Mostra Nacional de Experiências Bem Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças/Expoepi, realizada em Brasília, entre os dias 24 e 26 de novembro.

A mostra selecionou 27 trabalhos de 500 inscritos na mostra competitiva em diversas categorias nas áreas de vigilância a saúde. Conquista concorreu com o trabalho do Centro de Apoio e Atenção à Vida/CAAV Dr. David Capistrano Filho com o tema “Ações integradas e sustentáveis para o controle de infecções sexualmente transmissíveis em Vitória da Conquista, Sudoeste da Bahia”.

O trabalho de Vitória da Conquista foi apresentado pela coordenadora do Programa Municipal de DST/AIDS e Hepatites Virais, Eliana Amorim. Vitória da Conquista foi eleita melhor experiência por um júri popular, que escolheu, por meio de voto secreto, o trabalho que mais lhe agradou. Vitória da Conquista recebeu um prêmio de 30.000 mil reais.

O prêmio é o segundo reconhecimento das pesquisas operacionais realizadas no CAAV que, em junho, recebeu o Selo Município-Mundo de Boas Práticas de Prevenção as DST/AIDS e agora recebe o prêmio mais importante do Brasil na área de experiências bem-sucedidas do Ministério da Saúde: “Este prêmio é de toda equipe do CAAV, da Secretaria Municipal de Saúde, da Prefeitura de Vitória da Conquista e de todos os usuários do SUS de nossa cidade”.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Última chamada: o prazo para recadastramento se encerra na próxima sexta-feira


A Secretaria de Saúde da Bahia/Sesab convoca a todos os servidores estatuários e contratados sob o Regime Especial de Direito Administrativo /Reda para efetivar recadastramento funcional. No Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC, o recadastramento de todos os funcionários da unidade está sendo realizado até a próxima sexta-feira, 03.

A coordenadora do recursos humanos do HGVC, Eliude Tanan informa que quem ainda não realizou o procedimento poderá efetivá-lo no setor pessoal, onde estão sendo distribuídos os formulários para preenchimento. As fichas devem ser devolvidas ao setor, depois de preenchidas, para serem encaminhadas a Sesab.

Cerca de 796 servidores farão o recadastramento. Caso alguém não realize o cadastro, correrá o risco de ficar fora do novo sistema, fora de folha de pagamento, além de outros benefícios, até ser identificado o problema para possível correção e inclusão.

Essa ação integra a modernização no sistema de informações realizada pela Superintendência de Recursos Humanos do Estado/SRH para melhor atender as necessidades dos servidores. A atualização trará benefícios aos colaboradores em diversos sentidos, entre eles uma maior celeridade nas respostas às suas demandas, como licenças prêmio, aposentadorias, entre outras.

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Dia do doador Voluntário de Sangue: mais de 70 bolsas coletadas no HGVC

Doar sangue é um ato de amor. Nesta quinta, 25, comemora-se o Dia Nacional do Doador de Sangue e a equipe de Hematologia e Hemoterapia da Bahia/Hemoba parabeniza a todos os doadores voluntários que ajudam a salvar vidas. Como forma de agradecimento, a Hemoba realizou, das 8h às 16h, no Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC, um evento em homenagem ao doador.

A programação do evento foi composta por serviços nas mais diversas áreas: manicure, corte de cabelo, maquiagem, teste de glicemia capilar, aferição da pressão arterial, orientação nutricional e cuidados à saúde e apresentações musicais foram algumas das atividades realizadas. O objetivo do evento foi chamar a atenção para a importância da doação voluntária de sangue, já que o número de doações nem sempre é satisfatório.
Doação de sangue e happy hour ao som de intimista e de qualidade de Kessler e Bruno Lima

Para a doadora Cristiane de Jesus doar sangue é ajudar o próximo. “É essencial que todos doem sangue, pois a doação é um bem que não tem preço”, declara Cristiane. Ela aproveitou o seu dia para cuidar da saúde e da estética. “ Pela primeira fez eu me maquiei e estou adorando, além de medir a pressão e a glicemia. É uma maravilha todos esses cuidados com a gente”, afirmou.

Para ser um doador, é preciso levar um documento oficial de identidade com foto (original), ter entre 18 e 65 anos, pesar mais de 50 quilos e estar bem de saúde. Não é necessário estar em jejum. Só deve ser evitada a ingestão de bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas.
A assistente social da Hemoba, Elianna Tavares informou que mais de 70 bolsas de sangue já foram coletadas. As doações devem continuar para que outras vidas também sejam salvas.

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Hemoba intensifica campanha de doação de sangue


A equipe de Hematologia e Hemoterapia da Bahia/Hemoba possui uma unidade em funcionamento no Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC. No local, doadores voluntários podem realizar a doação de sangue, uma ação fundamental para salvar a vida de muitas pessoas. O sangue coletado é armazenado e posteriormente é fornecido aos pacientes por meio de transfusões.

A doação de sangue é um mecanismo de fundamental importância para o funcionamento de um hospital ou centro de saúde. Para atender essa necessidade de urgência alguns fatores são essenciais para a qualidade e rapidez do processo de doação. Critérios como de peso e idade são prioridades para que possam doar sangue, ou seja, com peso mínimo de 50 quilos, idade entre 18 a 65 anos e com boas condições de saúde.

O próximo passo é dirigir-se a algum banco de sangue munido de um documento oficial com foto e original. Em seguida a unidade realizará uma triagem clínica, isto é, uma avaliação do quadro de saúde e por fim, a triagem hematológica. Todas realizadas na unidade de coleta.

A assistente social da Hemoba, Elianna Tavares, informa que o doador precisa, necessariamente, estar bem alimentado e saudável para a coleta. “Temos que chamar a atenção de doadores e daqueles que ainda não doaram, para que compareçam nos locais de banco de sangue a fim de doarem, pois precisamos de todos os tipos sanguíneos", afirma Elianna.

A Hemoba de Vitória da Conquista é referência de qualidade e atendimento, pois a equipe está sempre em contínuo aperfeiçoamento, buscando atender um maior número de pessoas que procuram o serviço. Receber as doações de sangue da população, processar o sangue doado e fornecê-los aos pacientes necessitados é um trabalho de excelência realizado diariamente pela Hemoba.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Ministro da Saúde lança campanha contra a dengue


O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, estará nesta quinta-feira (18), no Hotel Othon Palace, em Salvador, para o lançamento da Campanha Nacional de Combate à Dengue de 2010. A apresentação do ministro acontece a partir das 8h30, dentro da programação do I Encontro Estadual de Regionalização da Saúde no SUS-BA, promovido pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab).

José Gomes Temporão ainda apresenta um resultado parcial do Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) 2010. A metodologia permite identificar onde estão concentrados os focos do mosquito em cada município. Neste ano, 425 cidades estavam programadas para participar do LIRAa. Ano passado, esse número chegou a 169. Do total de municípios previstos para este ano, 300 já enviaram as informações ao Ministério da Saúde, até o momento. Em outras 118 cidades, o estudo está em andamento - e sete inicialmente previstas decidiram não realizar o levantamento.

A campanha

A Campanha Nacional de Combate à Dengue de 2010 traz um novo olhar sobre a forma de lidar com a doença, com a qual o Brasil convive há 24 anos. Uma mensagem mais direta à população sobre a gravidade da dengue e sobre a necessidade de que cada pessoa elimine criadouros do mosquito em sua casa direciona as peças publicitárias impressas, na TV e no rádio.

A renovação de conceito e de estratégia partiu de uma pesquisa de opinião que revelou uma resistência das pessoas em mudar seu comportamento, embora 96% saibam quais os sintomas da dengue e como fazer para combater o mosquito transmissor. A mensagem de 2009, "Brasil unido contra a dengue", foi substituída por outra, que reforça a responsabilidade do cidadão: "Dengue: se você agir, podemos evitar".

As peças de TV e rádio terão depoimentos de pessoas que enfrentaram a doença e quase perderam familiares, além de declarações de líderes comunitários sobre a importância de cobrar também a ação dos gestores da saúde e de outros setores, como meio ambiente, saneamento básico e limpeza urbana. A campanha terá, ainda, materiais específicos para educadores, crianças e gestores e profissionais de saúde.

Números no Estado

No ano de 2010, até o dia 6 de novembro, foram notificados 52.240 casos de Dengue na Bahia, correspondendo a uma redução de 56,3% em relação ao mesmo período

de 2009, quando foram notificados 119.521 casos. Até o momento, 383 municípios baianos notificaram a doença através dos sistemas de informação da vigilância epidemiológica. Quanto às formas graves da doença, foram registrados 775 casos suspeitos em 109 municípios. Destes, 687 foram confirmados como sendo casos graves. Entre os casos graves, 34 óbitos foram confirmados em 23 municípios.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

8 de Novembro: HGVC parabeniza técnicos e médicos radiologistas

O calendário anual reserva grande parte das datas aos profissionais de saúde. Nesta segunda-feira (8 de novembro), é a vez de homenagear e parabenizar técnicos e médicos radiologistas, profissão que exige equilíbrio para as tantas situações vividas por estes profissinais em sua rotina, conduzidos pelo lema: "não devemos temer a radiação, apenas respeitá-la".

O radiologista é aquele profissional que assim como outras áreas vitais de um hospital de urgência e emergência, deve estar atento a todas as situações, recebendo usuários com os mais variados tipos de acidentes. No HGVC, onde se mantém em plantão 4 profissionais técnicos entre as salas de Raio X e Tomografia, o número de atendimentos é grande e pode chegar até 160 diários.

"Comecei o curso por acaso, mas logo que iniciei acabei me identificando com esta área e quero me aperfeiçoar daqui pra frente", conta satisfeita Lorena Rocha (20), dois anos de curso como técnica e há quatro meses estagiando no HGVC.

Para Alex Alves (28), formado como técnico em Radiologia pela Faculdade Método de São Paulo, e há 6 meses no HGVC, "o trabalho do radiologista, técnico ou médico, é fundamental, porque possibilita a continuação do trabalho dos profissionais encarregados de buscar o procedimento ideal para determinada patologia. Temos o trabalho de indenticar o problema e enviar para os médicos responsáveis. É uma corrente", afirma.

"Nós do HGVC parabenizamos todos este profissionais que são fundamentais neste universo hospitalar, que contribuem para garantirmos um bom antedimento às tantas vítimas que recebemos em nossa unidade", avaliou o diretor Geral, Gerardo Junior.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Nota de Esclarecimento - HGVC

A Diretoria Geral do Hospital Geral de Vitória da Conquista vem a público responder as acusações contra esta unidade, veiculadas pelo Blog do Anderson, nesta quarta-feira (3).

Inicialmente, cabe esclarecer que não corresponde à verdade a acusação de descaso do Governo do Estado, uma vez que o HGVC tem recebido da Secretaria de Saúde do Estado (SESAB) atenção especial com investimentos em equipamentos e qualificação profissional. Só assim foi possível disponibilizarmos procedimentos que passaram a ser realizados aqui mesmo em Vitória da Conquista, salvando muitas vidas.

A paciente citada em Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (03/10/10), já foi operada, tendo recebido todo o acompanhamento da equipe médica responsável pelo procedimento e, além disso, existe um diálogo aberto entre esta instituição e o Ministério Público, órgão que tem nos ajudado a prestar, a cada dia, um melhor atendimento aos usuários do SUS.

Esclareço também, que o caso da paciente não se trata de cirurgia de urgência e emergência e sim, cirurgia eletiva e que a mesma deu entrada ao hospital já tetraplégica (“não corria risco...”), infelizmente, e a intervenção cirúrgica foi necessária para a fixação da coluna vertebral, tipo de procedimento que vem sendo realizado em nosso hospital desde março de 2010. Com a manutenção corretiva do autoclave - que em 48 horas foi regularizada-, as equipes médicas diminuíram as cirurgias eletivas para não comprometer o atendimento aos pacientes graves.

A necessidade de cirurgia passa, necessariamente, por uma avaliação médica, de profissional habilitado e que por isso, não vigora nesta instituição desejo individual e político de qualquer pessoa, para que seja feito ou não determinado procedimento. É uma questão de necessidade, definida por nossos competentes profissionais.

Não procede também a informação de que a situação do HGVC é caótica, pois a unidade vive a realidade de atender a uma população referenciada de aproximadamente 2 milhões de pessoas de mais de 70 municípios pactuados na Bahia e outros do norte de Minas Gerais, ficando logicamente sobrecarregado.

Sabemos das nossas dificuldades e que temos muito ainda a melhorar. Por isso que tenho a honra e dedicação, juntamente com todos os funcionários, com este hospital que trabalha acima da sua capacidade, com o objetivo de que todas as pessoas sejam atendidas.

Para se ter uma idéia o HGVC realizou 2317 tomografias em 2006, e apenas neste ano de 2010, já realizamos 6667 tomografias, até o mês de outubro.

Em relação ao número de cirurgias o HGVC realizou 2.337 procedimentos em 2006. Apenas em 2010 já foram realizadas pouco mais de 3300 cirurgias, com a expectativa de chegarmos a 4000 até o final do ano. Destas intervenções, ressaltamos a realização das cirurgias pediátricas, neurológicas (aneurismas e TRM) jamais feitas no HGVC. Isso quer dizer que avançamos muito, em quantidade e qualidade.

Em relação aos estagiários salientamos que existem para cada grupo os médicos preceptores. Isto é resultado de um diálogo permanente e aberto com instituições de ensino superior que formam profissionais da área de saúde. O HGVC vem lutando para se tornar hospital escola, o que significa oportunidade para a qualificação do aprendizado e garantia de bons profissionais assumindo o papel de salvar vidas.

Estaremos sempre abertos ao diálogo com qualquer pessoa e, ou, instituição que queira construir com todos nós, funcionários públicos deste hospital, uma saúde de qualidade com respeito e responsabilidade, independente de cor partidária.

Gerardo Azevedo Júnior
Diretor Geral do HGVC

Nota de Esclarecimento - HGVC

A Diretoria Geral do Hospital Geral de Vitória da Conquista vem a público responder as acusações contra esta unidade, veiculadas pelo Blog do Anderson, nesta quarta-feira (3).

Inicialmente, cabe esclarecer que não corresponde à verdade a acusação de descaso do Governo do Estado, uma vez que o HGVC tem recebido da Secretaria de Saúde do Estado (SESAB) atenção especial com investimentos em equipamentos e qualificação profissional. Só assim foi possível disponibilizarmos procedimentos que passaram a ser realizados aqui mesmo em Vitória da Conquista, salvando muitas vidas.

A paciente citada em Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Vitória da Conquista (03/10/10), já foi operada, tendo recebido todo o acompanhamento da equipe médica responsável pelo procedimento e, além disso, existe um diálogo aberto entre esta instituição e o Ministério Público, órgão que tem nos ajudado a prestar, a cada dia, um melhor atendimento aos usuários do SUS.

Esclareço também, que o caso da paciente não se trata de cirurgia de urgência e emergência e sim, cirurgia eletiva e que a mesma deu entrada ao hospital já tetraplégica (“não corria risco...”), infelizmente, e a intervenção cirúrgica foi necessária para a fixação da coluna vertebral, tipo de procedimento que vem sendo realizado em nosso hospital desde março de 2010. Com a manutenção corretiva do autoclave - que em 48 horas foi regularizada-, as equipes médicas diminuíram as cirurgias eletivas para não comprometer o atendimento aos pacientes graves.

A necessidade de cirurgia passa, necessariamente, por uma avaliação médica, de profissional habilitado e que por isso, não vigora nesta instituição desejo individual e político de qualquer pessoa, para que seja feito ou não determinado procedimento. É uma questão de necessidade, definida por nossos competentes profissionais.

Não procede também a informação de que a situação do HGVC é caótica, pois a unidade vive a realidade de atender a uma população referenciada de aproximadamente 2 milhões de pessoas de mais de 70 municípios pactuados na Bahia e outros do norte de Minas Gerais, ficando logicamente sobrecarregado.

Sabemos das nossas dificuldades e que temos muito ainda a melhorar. Por isso que tenho a honra e dedicação, juntamente com todos os funcionários, com este hospital que trabalha acima da sua capacidade, com o objetivo de que todas as pessoas sejam atendidas.

Para se ter uma idéia o HGVC realizou 2317 tomografias em 2006, e apenas neste ano de 2010, já realizamos 6667 tomografias, até o mês de outubro.

Em relação ao número de cirurgias o HGVC realizou 2.337 procedimentos em 2006. Apenas em 2010 já foram realizadas pouco mais de 3300 cirurgias, com a expectativa de chegarmos a 4000 até o final do ano. Destas intervenções, ressaltamos a realização das cirurgias pediátricas, neurológicas (aneurismas e TRM) jamais feitas no HGVC. Isso quer dizer que avançamos muito, em quantidade e qualidade.

Em relação aos estagiários salientamos que existem para cada grupo os médicos preceptores. Isto é resultado de um diálogo permanente e aberto com instituições de ensino superior que formam profissionais da área de saúde. O HGVC vem lutando para se tornar hospital escola, o que significa oportunidade para a qualificação do aprendizado e garantia de bons profissionais assumindo o papel de salvar vidas.

Estaremos sempre abertos ao diálogo com qualquer pessoa e, ou, instituição que queira construir com todos nós, funcionários públicos deste hospital, uma saúde de qualidade com respeito e responsabilidade, independente de cor partidária.

Gerardo Azevedo Júnior
Diretor Geral do HGVC

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

HGVC Homenageia servidores com boa música


Em comemoração ao Dia do Servidor Público, 28 de outubro, o Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC promoveu deste o , dia 26, a Semana do Servidor 2010. O evento que começou no turno matutino na unidade hospitalar contou com a presença de servidores e alunos de diversas instituições.

Segundo o diretor geral, Gerardo Azevedo, este é um momento de confraternização e reflexão para os servidores sobre suas atribuições na unidade. “Eu gostaria de agradecer a todos os que constituem o quadro funcional da nossa instituição e que contribuem para que o HGVC cumpra o seu papel social de atendimento à população”, declarou o diretor geral.

Como parte da programação durante a semana inteira, houve atendimento nas mais diversas áreas. Serviço de psicologia, oferecido pela equipe das faculdades, Faculdade de Tecnologia e Ciências/FTC e Faculdade Juvêncio Terra, teste de glicemia capilar e medição de pressão arterial, além da oportunidade de vacinação, atendimento oferecido até o,dia 28, para todos os funcionários do hospital.

Para especialista em Gestão Hospitalar e funcionária do recursos humanos, Ana Flora Farias, tanto no ambiente de trabalho quanto na vida pessoal é sempre importante cuidar de nossa saúde.“É muito importante combatermos o mal estar tanto no ambiente de trabalho, quanto na vida pessoal, pois assim como a pessoa age nos relacionamentos pessoais, assim ela se comporta na vida profissional. Por isso, achei excelente o trabalho que nos foi oferecido na semana do servidor”, avalia a funcionária .

A Semana do Servidor parabenizou toda a equipe hospitalar. Shows fizeram alegria dos funcionários que participaram do evento, além do sorteio de diversos brindes. A cada ano o evento discute um tema diferente, que é escolhido com base na realidade e na equipe do hospital.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Semana do Servidor mobiliza funcionários do HGVC


Para comemorar o dia do funcionário público, que transcorre no dia 28 de outubro, o Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC realiza a Semana do Servidor 2010 entre os dias 26 a 28 de outubro, das 08:00 às 18:00 horas. Cuidando do Cuidador é o tema do evento que reunirá diversas dinâmicas com os servidores. Avaliação nutricional, vacinação e ginástica laboral são alguns serviços que estarão disponíveis, além de uma programação cultural e stands informativos.


Programação Cultural - A programação do evento inclui um dia multicultural. Para garantir um coletivo cultural, o HGVC oferece show musical com Maurício Sena, Rita Pithon e Carlos Porto, Chico Phaz, participação dos corais Conquista Criança e Terceira Idade, além de a participação de estudantes do Conservatório Municipal de Música e do grupo gospel Ministério Louvor C.E.U..


Stands - Informação e prevenção serão os procedimentos oferecidos por alguns setores do HGVC e das unidades de ensino: Universidade Federal da Bahia/UFBA (campus Anísio Teixeira), Faculdade de tecnologia Ciências/FTC, Faculdade Juvêncio Terra, Colégio Politécnico Boock e Centro Técnico de Ensino Profissionalizante/Cetep. Banco de sangue, higienização, vigilância epidemiológica e programa de gerenciamento de resíduos dos serviços de saúde estarão participando da programação e colaborando com serviços e informações aos usuários da unidade e aos colegas.
Clique na imagem

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Jorge Solla entrega novo equipamento ao HGVC

A Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) vem desenvolvendo um trabalho de aperfeiçoamento constante, através da promoção de cursos preparatórios nas diversas áreas da saúde, contratação de novos profissionais e manutenção e compra de novos equipamentos. Dando continuidade a essas ações, o Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) recebeu o mais novo equipamento do hospital: o Doppler Transcraniano (DTC), um investimento da ordem de R$ 96 mil reais. A entrega foi feita nesta terça-feira (22), pelo secretário Jorge Solla.

O aparelho é mais um recurso que contribui para a melhoria do funcionamento da unidade, que dispõe de excelentes profissionais. Na área de neurologia e angiologia, a equipe do HGVC é totalmente preparada para atender a população. Os médicos são especializados na realização e interpretação deste exame. “Esse equipamento contribui para o diagnóstico de morte cerebral, avaliação vascular, além de ampliar consideravelmente a capacidade de diagnóstico em um tempo reduzido”, afirmou Jorge Solla.

Profissionais da Cihdott, Eloneide Caracas e karine Barbosa, ao lado do Secretário da Saúde, Jorge Solla.

O Doppler Transcraniano é um recurso que vai facilitar principalmente na confirmação de morte cerebral e fechamento do protocolo do paciente. “Com isso, ampliamos também a captação de órgãos. Até o momento já foram realizadas 17 captações nos últimos dois anos, aqui na unidade, por isso é importante ampliar e dar continuidade ao trabalho da Comissão Intra-hospitalar de Órgãos e Tecidos para Transplantes (Cihdott)”, esclareceu Solla.

Para a coordenadora da Cihdott, Maria Tereza Barcia, uma das principais vantagens do Doppler é a viabilização e a realização dos diagnósticos dos pacientes do hospital. “A equipe do HGVC está capacitada para a manipulação do equipamento, por isso, acreditamos que o aparelho irá contribuir muito para o hospital e para a cidade”, declarou a coordenadora.

"Esta é uma clara demonstração do investimento do Governo do Estado, por meio da Sesab, na melhoria da qualidade dos serviços ao usuário do HGVC. A entrega deste novo equipamento, entregue pelo secretário, Solla complementa os equipamentos disponíveis para o fechamento de protocolos por morte encefálica e vai contribuir na captação de órgãos, na sensibilização da população quanto ao ato de doar ", afirmou o diretor geral do HGVC, Gerardo Junior.

Sobre o doppler

Uma das principais indicações do Doppler transcraniano (DTC) na prática neurológica e principalmente em terapia intensiva é como exame confirmatório para o diagnóstico de morte encefálica (ME). O DTC está incluído entre as ferramentas complementares obrigatórias em nosso país para a confirmação de ME, conforme a legislação vigente (CFM, Resolução N.º 1.480 de 8 de agosto de 1997).

Inúmeros estudos publicados nos últimos 20 anos demonstraram que o DTC compara-se aos demais exames confirmatórios no diagnóstico de morte encefálica com 100% de especificidade e elevada sensibilidade. As principais vantagens do DTC em comparação aos demais métodos são a sua portabilidade, que permite a realização do exame à beira de leito; sua fácil repetição; a possibilidade da realização na vigência de superdosagem de drogas depressoras do sistema nervoso central que podem representar uma limitação ao estudo eletroencefalográfico; seu baixo custo; ser um exame não-invasivo e a rapidez no tempo de realização do exame.

Os achados característicos observados no DTC nos pacientes com ME (fluxo alternante, pico sistólico curto ou ausência de fluxo em vaso identificado em estudo prévio por DTC) condizem com ausência de fluxo sangüíneo cerebral ou parada circulatória encefálica (PCE) quando observados nas artérias carótidas internas, cerebrais médias e nas artérias da circulação posterior (vertebral e basilar).

Além de possibilitar o fechamento do Protocolo por morte encefálica, o doppler ajuda no diagnóstico de hipertensão intracraniana e hemorragia subaracnóide.

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Ética Médica: HGVC participa da discussão


Com a perspectiva de promover um melhor atendimento às necessidades da unidade de saúde, o Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC incentiva toda equipe médica do hospital a participar do encontro de médicos da região. O Objetivo do V Encontro da Delegacia Regional de Vitória da Conquista é discutir os aspectos éticos do exercício da medicina e assuntos de interesse profissional.

"A ética médica tem papel fundamental, pois se baseia em respeito mútuo, entre médico e médico, medico e paciente e médicos e familiares de pacientes. A ética médica em primeiro passo é analisar os diversos contextos, onde se exerce a prática médica", declara o coordenador da Unidade de Terapia Intensiva/UTI, Dr. Sandro Bahia.

O Encontro desenvolvido pelo Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia/Cremeb discutirá temas pertinentes para a qualificação profissional. Lei do Ato Médico, Responsabilidade Técnica na Gestão Pública de Saúde e Novo Código de Ética Médica serão as questões trabalhadas no evento, palestras essas ministradas por: Jorge Cerqueira (Presidente) e José Abelardo Meneses (Vice-Presidente). A proposta é desenvolver um exercício de reflexão e aprendizado para todos os profissionais da área de saúde.


A programação tem início às 14h30 do dia 21, com a visita ao Hospital Esaú Matos. Em seguida, a partir das 18h, haverá uma reunião com os membros da Delegacia, na sede local do Cremeb. No dia 22, mais quatro unidades de saúde serão visitadas: Hospital Unimec (8h30), Hospital Geral de Vitória da Conquista (9h30), Santa Casa de Misericórdia de Vitória da Conquista (10h30) e Hospital Alfrânio Peixoto (14h30).


Para participar das palestras os interessados devem comparecer, dia 22 de outubro, às 19:30 horas na Casa do Médico, localizada na rua Siqueira Campo, nº 646-Recreio-Vitória da Conquista-Ba.

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Parabéns aos médicos do HGVC!


O Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC parabeniza toda a equipe médica da unidade, nesse 18 de outubro, Dia do Médico. A humanização do tratamento médico ganhou grande importância e revelou que além de uma profissão, a medicina é também um trabalho de compromisso social.

O médico é um dos mais importantes profissionais presentes em nossa sociedade. Sua função está ligada aos cuidados da saúde. Este profissional utiliza o saber específico, técnicas e abordagens que lhe permitem promover a saúde e o bem-estar físico, mental e social dos indivíduos. Do quadro de médicos contratados pela Sesab, o HGVC reúne 175 profissionais de várias especializações, sem contar os cooperados e Pessoa Jurídica.

Segundo o diretor geral do HGVC, Gerardo Junior, a unidade tem recebido apoio constante da Secretaria de Saúde da Bahia/Sesab e o seu quadro de profissionais médicos em várias especialidades vem aumentando gradativamente. “A missão do médico é realmente a de salvar vidas e felizmente temos tido a sorte de contar com profissionais preparados no HGVC, e isso fortalece o Sistema Único de Saúde e agradecemos a este profissionais pela sua dedicação”, afirmo o diretor geral.

Para o médico especialista em Unidade de Terapia Intensiva/UTI e diretor técnico, Wesley Carvalho Burgos Soares, o Hospital Geral de Vitória da Conquista é referência na qualidade de atendimento e tratamento, pois os profissionais são extremamente competentes e responsáveis.

“O mais importante para se comemorar nesse dia, são os resultados e ações que conseguimos. Cumprir nosso papel com responsabilidade e humanização é o verdadeiro motivo para poder comemorar”, declara Wesley Burgos.

Salvar vidas é um ato de amor, e escolher essa tarefa não é nada fácil. Dedicação, competência, responsabilidade e vontade de ajudar o próximo são ferramentas essenciais para tornar-se parte de uma das profissões de maior importância. Realizar um trabalho, em que o objetivo é sempre fazer o possível com o próximo, com certeza é o que toda equipe do HGVC vem proporcionando à sociedade.

Porque 18 de Outubro - A data é uma referência ao discípulo Lucas, o "amado médico", segundo o apóstolo Paulo, quando teria estudo medicina em Antioquia. A escolha de São Lucas como patrono dos médicos e do dia 18 de outubro como "dia dos médicos" foi por motivos específicos, ou seja, segundo a tradição, São Lucas era médico, além de pintor, músico e historiador, e abraçava todas as causas, ajudando sempre as pessoas.


quinta-feira, 14 de outubro de 2010

HGVC promove: Ação Sócio Ambiental-Dia das Crianças

O lixo hospitalar deve ser separado corretamente, obedecendo as regras e formas de aproveitamento. Consciente da importância de reciclagem, o Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC junto com sua equipe de higienização e o Programa de Gerenciamento de Resíduos de Saúde/PGRSS realizam um excelente trabalho com o lixo hospitalar.

“A segregação dos materiais utilizados de acordo as normas do PGRSS é o trabalho inicial do hospital, em seguida com os locais pré-definidos fazemos a separação do que é reciclável”, declara a Supervisora Eliana Vieira Queiroz, da Map Sitemas de Serviços, empresa terceirizada do hospital.

Essa iniciativa dos gestores do HGVC, em reciclar o lixo hospitalar, vem proporcionando ações Sócio Ambiental. Os materiais recicláveis, vidros, plásticos, papel, papelão, metais e outros materiais que podem ser reutilizados são revestidos para reciclagem, sendo uma prática rentável, que são utilizados nas ações promovidas pelo hospital.

No Dia 13 de outubro, a equipe do HGVC realizou a Ação Sócio Ambiental-Dia das Crianças. Uma tarde de animação no Albergue, casa do acolhimento, no período da tarde, fez a alegria de todas as crianças e adolescentes presentes na unidade.

O HGVC quer com essa iniciativa, incentivar as empresas de saúde a fazer o aproveitamento de tudo o que puder ser reciclado para que possam produzir a menor quantidade de lixo possível.

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

13 de outubro: Dia do Terapeuta Ocupacional


Dia 13 de outubro é o Dia do Terapeuta Ocupacional, profissional que busca reestruturar o cotidiano de portadores de alguma incapacidade física, mental ou psíquica, por meio de exercícios e atividades. No Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC atuam dois terapeutas ocupacionais que desempenham um papel fundamental na recuperação dos pacientes em sua totalidade.

No Hospital, o Terapeuta Ocupacional identifica o sofrimento psíquico do indivíduo internado e da família, utilizando atividades terapêuticas de modo a modificar o ambiente hospitalar podendo trabalhar conteúdos internos; minimizar tensões geradas pela doença, tratamento e internação; facilitar vínculos entre paciente e equipe de saúde; orientar familiares, etc.

Atua em diversas áreas (UTI, traumato-ortopedia, neurologia, oncologia e obstetrícia, ou até mesmo em enfermarias) atendendo pacientes portadores de diversas patologias, desenvolvendo atividades de acordo com quadro clínico.

O Dia do Terapeuta Ocupacional é comemorado no dia 13 de outubro, pois nessa data foi regulamentado o Decreto Lei 938 do ano de 1969, que estabelece um código de ética para a profissão. O HGVC parabeniza todos os profissionais da Terapia Ocupacional, uma das áreas mais abrangentes da saúde.

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Hospital de Base desenvolve atividades para o dia das crianças


Em comemoração ao Dia das Crianças, assistentes sociais e equipe da pediatria do Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC realizam uma semana de interação com os pacientes da unidade pediátrica. Nesta quinta-feira, 07, atividades como teatro e música farão parte da rotina dos internos, com proposta de desenvolver uma recreação saudável para as crianças do hospital e seus familiares.

Para a coordenadora do Serviço Social, Nori Chequer, todo e qualquer evento que os profissionais da unidade desenvolvem é para revitalizar o tratamento dos pacientes. “Sempre faz parte de nosso trabalho realizar esses momentos de interação, pois acreditamos que essa proposta contribui muito para a recuperação dos internos”. Declara a coordenadora.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Diretoria Administrativa do HGVC inaugura novos setores


No intuito de aperfeiçoar suas atividades, a Diretoria Administrativa do Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC vem implantando novas coordenações. Essa ação integra o trabalho continuado realizado pela Diretoria, que busca gerenciar os diversos setores da unidade e atender novas demandas para prestar um melhor atendimento à comunidade. As coordenações de Compras, de Tecnologia da Informação e de Patrimônio e Planejamento são alguns dos setores recém criados.

"Com estas implementações na gestão administrativa o hospital terá melhor condição de se planejar para que não falte os insumos, medicamentos, e os demais recursos necessários para o bom funcionamento", destaca o coordenador da Diretoria administrativa, Luiz Flávio Souza Andrade.

Segundo o coordenador, a administração é uma atividade que exige que os hospitais elaborem um Planejamento Estratégico, com programas e metas a curto, médio e longo prazos. “Não se pode pensar em gestão se não houver envolvimento dos gerentes/coordenadores. A cada implantação de um novo trabalho, de uma nova ferramenta e/ou tecnologia de gestão deve-se discutir com todos os envolvidos desde a área administrativa até área de assistência ao paciente para que haja um trabalho de resultado”, declara Luiz Flávio.

Conheça um pouco dos serviços desenvolvidos por cada uma dessas novas coordenações.

Coordenação de Compras- O setor de compras veio otimizar o trabalho da Coordenação Permanente de Licitação/Copel. Além de melhorar o atendimento, a Coordenação também realiza um trabalho de planejamento, avaliando as compras em curto, médio e longo prazo. Para o coordenador de compras, Alberto Magno Ferraz de Oliveira, o trabalho do setor tem dado um excelente resultado, pois os pedidos são organizados e avaliados, evitando o desperdício. “A demanda está chegando rápido, e estamos realizando num período bem menor e acelerando o processo de compras”, declara o coordenador.

Coordenação de Tecnologia da Informação- Desenvolvida para dar suporte as instalações do hospital, como o software e hardware, além de manutenção da rede de internet e gerenciamento das políticas de Tecnologia da Informação/TI. O setor é coordenado pelo técnico Wellington oliveira Silva, que esclarece a importância dessa unidade como um aumento na segurança dos dados do hospital e também na criação de um servidor para o HGVC. É importante ressaltar que em Vitória da Conquista somente o HGVC possui esse atendimento.

Coordenação de Patrimônio e Planejamento-Para garantir que o HGVC continue com a qualidade de seus equipamentos, além de servir de ponte entre as coordenações e a diretoria, o setor de Patrimônio e Planejamento, coordenado por Rudolf Bauer, tem a finalidade de controlar e cuidar de todo o patrimônio hospitalar, e planejar junto com a diretoria projetos que podem melhorar a unidade.


quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Dia da Secretária: HGVC parabeniza profissionais da área


Dia 30 de setembro é o Dia da Secretária. Antes encarregada apenas de funções basicamente operacionais como atender telefone, controlar agenda do chefe e digitar comunicados, hoje as secretárias desempenham múltiplas atividades sendo um agente fundamental dentro de empresas e instituições.

O Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC parabeniza a todas secretárias da unidade, que desempenham um trabalho de grande responsabilidade e que exige muita disciplina e organização.

O profissional da área de secretariado é fundamental em uma equipe. É com essa visão que toda a equipe HGVC agradece as nossas queridas e indispensáveis secretárias.

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

O Hospital de Base investe em alimentação saudável




Ter uma alimentação saudável e de qualidade torna-se essencial para garantir uma boa saúde. Desenvolver um excelente trabalho alimentar é algo que o Hospital Geral de Vitória da Conquista/HGVC procura fazer para que os funcionários e pacientes tenham uma rica e nutritiva alimentação.

Para o auxiliar alimentício, Tiago Marisco, a escolha certa dos alimentos é de fundamental importância na recuperação dos pacientes. “O hospital nos fornece o histórico do paciente, e a partir disso procuramos suprir as necessidades nutricionais deles, visando a melhora o mais rápido possível”, afirma Tiago.

Já as refeições oferecidas aos funcionários, são balanceadas com o objetivo de proporcionar o equilíbrio nutricional. A boa dieta é aquela que não apresenta abusos ou deficiências e garante o bom funcionamento do organismo.

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Sesab entrega o troféu "Amigo do Transplante"


A Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), através do Sistema Estadual de Transplante de Órgãos, entrega o troféu “Amigo do Transplante”, profissionais e instituições que se destacaram no incentivo à doação de órgãos e tecidos na próxima segunda-feira, dia 27, às 9 horas, no auditório João Torres, subsolo da Sesab. O evento terá a presença do secretário da Saúde do Estado, Jorge Solla, e do coordenador do Sistema Estadual de Transplantes, Eraldo Moura, que na oportunidade falará sobre a situação dos transplantes no Brasil e na Bahia.

A entrega do troféu “Amigo do Transplante” integra a programação da Semana Nacional de Incentivo à Doação de Órgãos, comemorada na última semana do mês de setembro, por iniciativa da Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), Ministério da Saúde e secretarias estaduais de Saúde, com o principal objetivo de divulgar informações sobre doação e transplante de órgãos e, desse modo, sensibilizar a população para a importância de doar órgãos, ampliando o número de doadores.

Em sua terceira edição, o troféu “Amigo do Transplante”, a ser entregue no dia 27, contemplará as empresas de ônibus Viação Águia Branca, Camurugipe, São Luis e Santana; os médicos Jorge Bastos, Patrícia Fernandes Marback, Carlos Marcílio e Margarida Dutra; o diretor do Hospital Geral Ernesto Simões Filho, César Martins, e o coronel Expedito Barbosa dos Santos, chefe da Casa Militar do Governo do Estado.

Esse ano, na Bahia, foram registradas, entre os meses de janeiro e agosto, 30 doações de múltiplos órgãos. No mesmo período, foram realizados 22 transplantes de fígado, 47 de rins, 96 de córneas e 17 ósseos. Para Eraldo Moura, coordenador do Sistema Estadual de Transplantes, o elevado índice de negativa familiar - mais de 50% das famílias de potenciais doadores não autorizam a doação – é um maiores obstáculos para que a ampliação do número de transplantes no estado.


Fonte: http://www.saude.ba.gov.br/portalsesab

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

HGVC promove campanha de incentivo à doação de órgãos



Em comemoração ao Dia Nacional de Doadores de Órgãos, celebrado em 27 de setembro, o Hospital Geral de Vitória da Conquista (HGVC) e a Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (Cihdott) da unidade realizam a campanha “Doe Ógãos Doe Vida. O objetivo da campanha, que acontece de 27 de setembro a 01 de outubro, é informar e sensibilizar a população sobre a doação de órgãos e tecidos.

De acordo a Assistente Social da Cihdott, Eloneide Caracas, a fiscalização e a divulgação da doação são algumas das atividades desenvolvidas pela equipe. “A Coordenação Intra-hospitalar realiza um trabalho de organizar, no âmbito do hospital, o processo de captação de órgãos, além de trabalhar com a equipe médica da Unidade”, destaca a assistente.

O Brasil ocupa a segunda posição no ranking dos países que mais realizam transplantes de órgãos. Segundo dados do Ministério da Saúde, o número de transplantes no país cresceu 16,4% no primeiro semestre de 2010, em relação ao mesmo período de 2009. De janeiro a junho deste ano, foram realizados 2.367 transplantes de órgãos de doador falecido. No primeiro semestre de 2009, foram 2.033 cirurgias nesta modalidade contra 1.688 procedimentos realizados no primeiro semestre de 2008 pelo Sistema Único de Saúde (SUS).


A doação de tecidos, órgãos e partes do corpo humano é uma iniciativa importante. É através do transplante de figado, rins, coração e outros orgãos, que muitos estão sobrevivendo dignamente ou ganham melhores condições de vida. Para ser um doador é necessário que comunicar à família sobre o desejo, para que a mesma autorize a doação no momento oportuno. Em caso de doadores vivos, a pessoa precisa ter boas condições de saúde, ser maior de 21 anos e querer doar. O HGVC acredita que com apenas um ato muitas pessoas podem ser salvas.